Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Conselhos científicos para emagrecer

Enviado por Gilberto Godoy
conselhos-cientificos-para-emagrecer

     Neste vídeo de divulgação de AsapSCIENCE, Mitchell Moffit e Gregory Brown compilam alguns dados mais ou menos conhecidos e avalizados pela ciência relacionados com as dietas para perder peso: a endocrinologia do apetite, o papel das proteínas, o apetite e a sensação de cálcio, a saciedade e outras questões.

     Não se trata de nenhuma dieta milagrosa -ainda mais porque elas não existem-, senão uma explicação fácil de entender e com senso comum e experiência médica sobre a forma em que nossos corpos consomem e gastam a energia no processo da alimentação. O vídeo mostrado depois do salto está em inglês, mas não creio que constituirá um problema para entendê-lo.

     O resumo rápido do que conta o vídeo é este:

Fazer exercício para queimar calorias;

Não saltar nenhuma refeição, especialmente o café da manhã;

Acrescentar mais proteínas e produtos lácteos baixos em gordura (desnatados) à dieta: simplesmente com um aumento de 10% já se nota uma diminuição do apetite.;

Acrescentar sopas ou converter parte da comida em purês: demora mais para ser absorvido, permanece mais tempo no estômago e gera uma sensação de saciedade mais duradoura;

Contar as calorias permite aprender que alimentos têm mais ou menos calorias, o que permite escolher comer ou beber mais ou menos quantidade para uma mesma ingestão de calorias;

Reduzir o tamanho dos pratos: o uso de pratos menores pode fazer com que se reduza a refeição em até 20% quase sem se dar conta;

Evitar a falta de sono e o estresse: são dois fatores importantes de nossas vidas diárias que fazem o apetite aumentar notavelmente.

     Fonte: AsapSCIENCE
 
     NOTA DO BLOG: para se conseguir o objetivo de emagrecer deve-se levar em consideração a real necessidade do emagrecimento e uma análise funcional das contingências relacionadas ao comportamento de se alimentar. Somente assim se consegue as mudanças necessárias a um corpo magro, sadio e feliz!

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    Durante os meses de inverno, a incidência de gripe e resfriado aumenta de 5 a 7%, segundo o Departamento de Influenza e Virologia Clínica da Sociedade Brasileira de Infectologia. O crescimento se deve, principalmente, ao fato de que as pessoas...   (continua)


  •    Um estudo demonsta que sedentarismo tem causado tantas mortes quanto o tabagismo. A pesquisa, publicada na revista médica Lancet, estima que um terço dos adultos não tem praticado atividades físicas suficientes, o que tem causado 5,3 milhões de mortes por ano em todo o mundo.   (continua)


  •    As pessoas alheias à Doença de Alzheimer não estão muito cientes do problema e a Cut Vídeo decidiu produzir um vídeo que pudesse realmente criar uma consciência forte nas pessoas que o assistissem.   (continua)


  •    Um estudo publicado no ano passado mostrou que uma semana apenas passada dormindo menos de seis horas por noite resultou em modificações em mais de 700 genes. É alarmante. Veja abaixo a verdade assustadora do que pode acontecer com seu corpo quando ...   (continua)


  •    Ao menos desde os anos 90 uma das doenças infantis diagnosticadas com maior frequência é o transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), um problema psicológico que paralelamente se revelou como um dos principais negócios das grandes farmacêuticas...   (continua)


  •     Tatiana Tavares, especial para o iG São Paulo
       A busca por uma alimentação mais saudável nem sempre é fácil. Além de exigir 'força de vontade' e um tanto de disciplina, mudar hábitos à mesa, em casa e na rua, algumas vezes pode significar um aumento na conta do supermercado ou do restaurante.   (continua)


  •    Wilson Ferreira via cinegnose.blogspot.com
      Neste momento a sociedade reúne todo um arsenal médico-terapêutico-psicológico-farmacêutico para extirpar o mal que atormenta milhares de almas: a melancolia. O professor de literatura inglesa da Wake Forest University Erik Wilson vê na obsessão pela busca da felicidade na atual sociedade de consumo como...   (continua)


  •    Passear no shopping, caminhar na praia ou com o cachorro, andar pela casa... para você, caminhada é tudo igual? Pode até parecer a mesma coisa, mas o resultado é completamente diferente quando se trata de uma caminhada seca gordura. O segredo? "Ela queima gordura e detona muitas calorias precisa por atingir uma faixa de frequência cardíaca...   (continua)


Copyright 2011-2018
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília