Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Livros - Caetano Veloso

Enviado por Gilberto Godoy


 "Tropeçavas nos astros desastrada
Quase não tínhamos livros em casa
E a cidade não tinha livraria
Mas os livros que em nossa vida entraram
São como a radiação de um corpo negro
Apontando pra a expansão do Universo
Porque a frase, o conceito, o enredo, o verso
(E, sem dúvida, sobretudo o verso)
É o que pode lançar mundos no mundo.

Tropeçavas nos astros desastrada
Sem saber que a ventura e a desventura
Dessa estrada que vai do nada ao nada
São livros e o luar contra a cultura.

Os livros são objetos transcendentes
Mas podemos amá-los do amor táctil
Que votamos aos maços de cigarro
Domá-los, cultivá-los em aquários,
Em estantes, gaiolas, em fogueiras
Ou lançá-los pra fora das janelas
(Talvez isso nos livre de lançarmo-nos)
Ou ­ o que é muito pior ­ por odiarmo-los
Podemos simplesmente escrever um:

Encher de vãs palavras muitas páginas
E de mais confusão as prateleiras.
Tropeçavas nos astros desastrada
Mas pra mim foste a estrela entre as estrelas."

*Gravado na Real Gabinete Português de Leitura.

*No vídeo Caetano Veloso lê "Le Rouge et le Noir"(O Vermelho e o Negro) de Stendhal
"Ici, dit-il avec des yeux brillants de joie, les hommes ne sauraient me faire de mal." Il eut l'idée de se livrer au plaisir d'écrire ses pensées, partout ailleurs si dangereux pour lui. Une pierre carrée lui servait de pupitre. Sa plume volait (...) "Pourquoi ne passerais-je pas la nuit ici? se dit-il; j'ai du pain, et je suis libre!" (...)

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    Vídeo original da música "Stay (Faraway, So Close!)" Hit de seu álbum de 1993, Zooropa. A canção foi lançada como terceiro single do álbum em 22 de Novembro de 1993 e foi um hit top dez na Irlanda, Austrália, Reino Unido e vários outros países. Foi escrita e inspirada para Frank Sinatra...   (continua)


  •        Uma linda música de Celso Adolfo na voz macia de Eliane Cata Preta.

    "E nós que nem sabemos quanto nos queremos
    Que nem sabemos tudo que queremos
    Como é difícil o desejo de amar
    Você que nunca soube quanto eu quis..."
    (continua)


  •    Uma bela música! O excesso de metáforas torna a letra complexa mas ela fala da importância de uma infância vivida em família, do amor entre irmãos, perdas, transcendência, mistérios... da vida!  Merece ser ouvida em local e condições especiais.  Album version of Emily from the 2006, álbum "Ys" by Joanna Newsom, track 1 of 5.   (Continua)


  •  

         Clássico dos anos 70 (1978), inspiração para o sucesso de 'Intocáveis'. 


  • Que música redondinha! Além de uma voz abençoada o Bituca é excelente letrista.

    "Você sabe que as canções são todas feitas pra você
    E vivo porque acredito nesse nosso doido amor
    Não vê que tá errado, tá errado me querer quando convém
    E se eu não tô enganado acho que você me ama também

    (continua)


  •     Renato Russo e Adriana Calcanhoto cantando "Esquadros", no Programa Por Acaso, em 1994. Vídeo histórico da MPB. O sujeito do meio tá meio hipnotizado e olha para os dois de forma muito engraçada. Muito bom.


  •    Cazuza Interpreta a música de Cartola, com sua bela voz. 'O Mundo é um Moinho' remete a implacabilidade do tempo e de um vazio sem explicação que permeia nossa existência e as coisas que deixamos para trás. A letra é um lembrete, de alguém que pôde compreender a transitoriedade da vida, do inevitável, dos sonhos, do amor...  (continua)


  •       Grandioso: [Do esp. grandioso.] Adjetivo. 
         1. Grande, nobre, elevado: sentimentos grandiosos; estilo grandioso.
         2. Pomposo, aparatoso, magnificente, magnífico: espetáculo grandioso.


  • Que música linda! Letra igualmente maravilhosa.

         "...Vide le luci in mezzo al mare,
        Penso alle notti là in america
        Ma erano solo le lampare
         E la bianca scia di un'elica
        Senti il dolore nella musica...
        (continua)


  • Esta música contém alguns dos mais belos versos da MPB!
    "Minha vida era um palco iluminado
    Eu vivia vestido de dourado
    Palhaço das perdidas ilusões
    (continua)


  •    Por definição, música eletrônica é toda música criada através do uso de equipamentos e instrumentos electrónicos. Entretanto, a partir da grande popularização da música eletrônica dançante a partir da década de 1980, esta passou a ser...   (continua)


  • "Tarde uma nuvem rósea lenta e transparente.
    Sobre o espaço, sonhadora e bela!
    Surge no infinito a lua docemente,
    Enfeitando a tarde, qual meiga donzela
    Que se apresta e a linda sonhadoramente,
    Em anseios d'alma para ficar bela
    Grita ao céu e a terra toda a Natureza!
    (continua)


Copyright 2011-2020
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília