Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Receitas especiais - Kebab de cordeiro com hortelã

Enviado por Gilberto Godoy
receitas-especiais---kebab-de-cordeiro-com-hortela

     Blog do Wessel

     Kebab de cordeiro com pesto de hortelã

     Um dos mais tradicionais pratos do Oriente Médio é o Kebab, Shish Kebab ou simplesmente espetinho. Kebab em persa significa frito e shish em turco é espetinho. Por isso o verdadeiro nome deste prato é Shish Kebab, que acabou se popularizando com o encurtado nome de Kebab. Seja assim ou assado é um prato delicioso.
 
     INGREDIENTES DO PESTO:
 1 xícara cheia de folhas de hortelã
 ½ xícara de folhas de coentro
 2 colheres de sopa de pinoles
 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado na hora
 1 colher de sopa de suco de limão
 ½ colher de chá de sal grosso
 ½ xícara de azeite de oliva extra virgem
 pimenta do reino preta moída na hora
 
    INGREDIENTES DO KEBAB:
 1 kg de paleta ou de pernil de cordeiro sem gordura cortado em cubos
 1 colher de sopa de azeite e um pouco mais para pincelar a carne
 4 dentes de alho picados
 2 colheres de chá de sal grosso
 2 pimentões vermelhos cortados em quadrados de 2 cm
 1 cebola roxa cortada em quadrados de 2 cm
 
     MODO DE PREPARO:

      Prepare primeiro o pesto. Coloque todos os ingredientes em um liquidificador menos o azeite. Bata e vá misturando o azeite aos poucos batendo até que fique bem homogêneo. Guarde em uma tigela.
     Tempere os cubos de cordeiro com o azeite, sal e o alho e deixe marinando coberto por duas horas dentro da geladeira.

      Faça os espetos intercalando as carnes com o pimentão e a cebola.
      Deixe mais 30 minutos fora da geladeira. Moa um pouco de pimenta por cima da carne.
      Pode ser assado no forno. Aqueça seu forno ao máximo, pincele azeite na carne. Coloque os espetos em uma assadeira e leve ao forno. Vire depois de 4 minutos e retire do forno em 7 a 8 minutos.
     Divida os espetos em 4 pratos pré-aquecidos e regue com o pesto. Pronto! Uhuuuu.
 

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    A rabanada é uma fatia de pão de trigo (pão-de-forma ou baguete) que, depois de molhada em leite, vinho ou calda de açúcar, é passada por ovos e frita. As rabanadas fazem parte de muitas mesas em Portugal, e em várias ceias do Brasil também. Servem-se polvilhadas com açúcar e canela ou regadas com calda de açúcar, xarope de bordo ou mel. Que coisa boa é comer uma rabanada! 


  •    Eliane Contreras, editora de nutrição de Boa Forma, ensina receitas rápidas de overnight oats, uma alternativa leve e saudável para o café da manhã ou lanche.


  •      Toda compra exige uma certa cautela. Se você vai comprar um carro, você conversa antes com alguém que tenha o modelo que você tem interesse; se for usado, você conversa antes com o seu mecânico de confiança. Com o vinho não poderia ser diferente. Na hora de comprar você conversa com um amigo ou vai em uma casa especializada no ramo e conversa com o atendente.   (continua)


  •    Ainda que a maioria dos brasileiros tenham como desjejum apenas uma xícara de café preto e um pão com manteiga, seguem dizendo que o pequeno-almoço ou café-da-manhã é (ou deveria ser, no nosso caso) a principal refeição do dia, para proporcionar energia depois das...   (continua)
     


  •    Quem já ficou no açougue encarando uma lista de cortes, preços e pedaços de carne, expostos ou embalados na gôndola, sem ter a menor ideia de como juntar a intenção ("picadinho" ou "bife", por exemplo) com a oferta (alcatra, coxão mole, patinho etc) sabe a falta que faz conhecer um pouco sobre carnes.   (continua)


  •    Um bom vinho fica ainda melhor com uma boa leitura. Para quem gosta de vinho e história, a dica de hoje é o livro "Vinho & Guerra", que narra as aventuras de famílias das regiões vinícolas francesas, durante a II Guerra Mundial, que arriscaram suas próprias vidas para...   (continua)


  •    O verdadeiro amante da bebida faz questão de se aprofundar nas curiosidades e conhecimentos em torno do vinho. Se você se encaixa nesse perfil, vale a pena conferir algumas questões que caracterizam o Velho e o Novo Mundo, sob a visão de um dos profissionais que...   (continua)


  •    Já chegou ao Brasil o vinho Toro Loco Tempranillo, fabricado na região de Utiel-Requena, na província espanhola de Valencia. O rótulo foi eleito um dos melhores do mundo por especialistas em uma competição no Reino Unido.   (continua)


Copyright 2011-2021
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília