Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Dinheiro traz felicidade?

Enviado por Gilberto Godoy
dinheiro-traz-felicidade-

     Segundo este estudo dinheiro não traz felicidade. Mas que ajuda, ajuda!

    Você está feliz com o que você ganha? Ou você está feliz, porque você ganha mais do que seu vizinho? Pesquisadores da Universidade de Warwick e Cardiff, ambas da Grã-Bretanha, descobriram que o dinheiro só traz felicidade se ao mesmo tempo melhora a sua condição social: ganhar bem não é o suficiente para ser feliz, as pessoas devem saber que ganham mais que seus amigos e colegas.

     De acordo com Chris Boyce do Departamento de Psicologia da Universidade de Warwick e autor do estudo, continuamos a acreditar que o dinheiro é o maior sinal de sucesso.

    - "Nosso estudo mostra que a corrida ao status significa que as pessoas simplesmente se esforçam para agradar os outros", disse.

     No estudo, intitulado "Dinheiro e Felicidade: o nível de renda, determina a satisfação com a vida", os pesquisadores tentaram explicar por que, apesar do crescimento econômico que levou a um aumento substancial no salário médio, em alguns países, as pessoas não aumentaram a sua felicidade nos últimos 40 anos.

     Para fazer isso, os pesquisadores estudaram os dados dos últimos sete anos, em renda e satisfação de vida das famílias amostradas no British Household Panel Survey britânico. Eles descobriram que a satisfação foi maior quando relacionada com a posição social do rendimento da pessoa, que, quando comparado apenas com o que ganhou.

     A este respeito, Boyce disse que o dinheiro pouco contribui para o bem-estar do indivíduo: - "Ele tem sua importância, mas a consideração de qualquer benefício criado pelo dinheiro, pode ser perdida quando é contrastada com as dos outros."

     No mesmo sentido, a pesquisa apontou que há maneiras de ser mais eficiente desfrutando o tempo com amigos e familiares, do que muitas vezes sacrificando-se em busca de riqueza.

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  • "Privatizaram sua vida, seu trabalho, sua hora de amar e seu direito de pensar.
    É da empresa privada o seu passo em frente, seu pão e seu salário.
    E agora não contente querem privatizar o conhecimento...
    (continua)


  •    Ao ser transportado pela leveza de uma escada rolante, meus olhos ávidos já enxergam ao longe, além das paredes de vidro , os livros. De súbito, sou tomando por uma excitação trêmula que vem de dentro do meu corpo...   (continua)


  •    Tenho um amigo, francês, que aqui vou chamar de Pierre. Radicado no Brasil há uma década, Pierre é reputado por seu senso de humor refinado, visão estratégica e predileção por boas cervejas. Quase todas as vezes que marquei algo com Pierre, fosse um almoço, café ou...   (continua)


  •    Existe uma crença em nossa sociedade de que é melhor gastar nosso dinheiro com algo palpável, com longa duração, em vez de gastá-lo com eventos e experiências que passam e não voltam nunca mais. E que isso nos trará mais satisfação a longo prazo.   (continua)


  •    O livro 'Guia politicamente incorreto da filosofia' de Luiz Felipe Pondé tá dando o que falar. Abaixo um texto de Pondé, com algumas ideias filosóficas... "Ao ser indagado se não tinha esperanças, Kafka disse, “esperanças há muitas, mas não para nós”. Janouch narra...   (continua)


  • "Tua força interior e tuas convicções não tem idade.
    Teu espírito é o espanador de qualquer teia de aranha.
    Atrás de cada linha de chegada, há uma de partida.
    Atrás de cada trunfo, há outro desafio.
    (continua)


  •    “Meu companheiro de vida será um homem corajoso de trabalho,
 servidor do próximo, 
honesto e simples, de pensamentos limpos.
 Teremos padarias e muitos filhos. Cada nascer de um filho 
será marcado com o plantio de uma árvore simbólica. 
  (continua)


  •    (Discurso pronunciado após a fala do encarregado de negócios indígenas do governo norte-americano haver dado a entender que desejava adquirir as terras de sua tribo Duwamish). "O grande chefe de Washington mandou dizer que desejava comprar a nossa terra..."     (continua)


Copyright 2011-2018
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília