Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

A Língua das Mariposas: encantamentos da educação para a vida

Enviado por Gilberto Godoy
a-lingua-das-mariposas--encantamentos-da-educacao-para-a-vida

   A Língua das Mariposas é um filme espanhol de 1999, do gênero drama, dirigido por José Luis Cuerda.

   O garoto Moncho (Manuel Lozano) tinha muito medo dos professores da escola. Ele era uma criança com 7 anos, quando viveu um período de pequenas e importantes descobertas na escola, e na vida. Moncho tinha medo de ir à escola, porque ficou sabendo que os professores batem nas crianças; se preparou para o maior desafio de sua vida, a apenas algumas horas de seu primeiro dia de aula.

   Alertado por alguns meninos, ele acredita que o professor poderá castigá-lo ao menor erro. Moncho pensa, inclusive, em fugir para a América, como alternativa a escola.

   Mas quando seu novo professor começa a dar aulas ao garoto em sua casa, o menino tem uma oportunidade de conhecer melhor seu professor ficando fascinado por seu caráter, e por sua sabedoria.

   Seu professor, Don Gregório (Fernando Fernán Gómez), um senhor próximo da aposentadoria, jamais agiu agressivamente com seus alunos. Pessoa de fala calma, de grande tranqüilidade e de postura elegante, apesar de toda a simplicidade, o professor garante sua credibilidade perante seus alunos a partir do conhecimento que possui e da calma com que resolve os pequenos problemas do cotidiano.

   Moncho se apaixona pela escola e passa a se dedicar com grande vontade às tarefas e atividades propostas por Don Gregório. Encanta-se com as histórias contadas pelo velho mestre e se anima ainda mais quando algumas aulas são dadas ao ar livre. Paralelamente à suas realizações escolares, o menino acompanha os acontecimentos da vida cotidiana da pacata cidade onde vive.

   Descobre o amor e se envolve num emaranhado de relações políticas e sociais, mesmo não entendendo exatamente o significado desses acontecimentos, numa época em que a Espanha ferve às vésperas de sua guerra civil.

   As turbulentas transformações pelas quais passava o país colocam o velho e honrado professor em situação delicada devido a seus posicionamentos políticos.

   O final, meio que cifrado, enigmático, deixa aberta uma porta de esperança; Moncho estaria querendo passar um recado secreto ao seu velho mestre, mostrando que ele se lembraria para sempre das velhas lições, ou ele estaria simplesmente dizendo que tudo o que foi aprendido poderia se voltar contra o próprio professor?

   Se aquelas lágrimas seriam de ódio ou tristeza, isso fica por parte da interpretação de cada um.

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    O uso de filmes ficcionais e documentários em sala de aula pode ser uma ótima ferramenta pedagógica para apoiar o aprendizado dos estudantes. Por meio de uma linguagem audiovisual, muitas vezes mais atrativa às crianças e adolescentes, os filmes permitem novas abordagens e olhares sobre os conteúdos curriculares.   (continua)


  •      O Cinema Archipiélago é uma balsa/auditório projetada para flutuar no mar, permitindo o lançamento do Festival Film on the rocks Yao Noi, na Tailândia, organizado por Apichat-Pong Weerasethakul e Tilda Swinton. A balsa é projeto do arquiteto alemão Ole Scheeren. O festival é ralizado em março, convertendo-se em um lugar de encontro para a arte e o cinema.  (continua)


  •    Jean-Paul Belmondo é filho do renomado escultor parisiense Paul Belmondo (1898-1982) e da dançarina Madeleine Belmondo. É também conhecido como Bébel. Na juventude, não foi muito bem nos estudos, mas desenvolveu uma grande paixão pelo box e pelo futebol. Pensou em se tornar boxeador profissional, mas desisitiu após duas lutas...   (continua)


  •    A cena final do filme "O fabuloso destino de Amelie Poulain" fecha com chave de ouro tão bela obra. A sincronia e cumplicidade do casal na bicicleta é inefável!  Música do habilidoso Yann Tiersen.



  •    Tom Jobim fala da sua 'casa' en NY, toca piano e recita um poema para Radamés Gnatalli.  Adoro este filme. Recomendo.


  •      "Tears of Steel" é um curta metragem de ficção ambientado em uma Amsterdã futurista, que foi dirigido e escrito por Ian Hubert. O filme foi realizado através de financiamento crowd-funding por usuários da ótima ferramenta Open Source de criação 3D Blender. Impressionante!


  •    Uma das músicas mais conhecidas do grupo Palavra Cantada, entoa que “Criança não trabalha, criança dá trabalho”. Diversos estudos (e a mais importante de todas, a observação do comportamento dos pequenos) comprovam a importância das brincadeiras para o desenvolvimento infantil, tanto...   (continua)


  •    O Tempero da Vida conta a história de um menino que cresceu em Istambul, cujo avô, um filósofo culinário e mentor, o ensina que tanto a comida quanto a vida, requerem temperos para adicionar-lhe sabor e especialidade. Por causa da guerra, sua família se muda para a Grécia. Fanis cresce e se torna um grande...   (continua)


Copyright 2011-2021
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília