Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

A internet e a literatura - Suely Braga

Enviado por Gilberto Godoy
a-internet-e-a-literatura---suely-braga

   No século XXI, onde impera a robótica e a informática, o mundo entra em nossas casas, através da telinha da televisão e da internet.

   O planeta torna-se uma aldeia global. Desaparecem as cartas. Em seu lugar ficaram os telefones celulares, que se multiplicam aos milhões.

    Hoje, através da internet: dos e-mails, dos sites, dos orkuts, dos  twitter podemos inteirar-nos de todas as notícias e por meio das redes sociais: facebook e outras conquistamos quantos amigos virtuais quisermos.

    A literatura acompanhando a época do corre corre,em que as pessoas são privadas de tempo, transformou-se para acompanhar a situação atual dos leitores.

   Tornou-se moda os pequenos poemas, os contos, as crônicas, os minicontos, os poetrixs , os haikais, as colunas nos diversos sites.

    É claro que continuam os romances longos, romances históricos de autores importantes, ou não.

    Livros que carregamos na bolsa e podemos lê-los no ônibus, nos bancos de praça, nos consultórios, nos laboratórios, em qualquer lugar que estejamos.

     As editoras estão também compilando os clássicos da literatura mundial em pequenos compêndios, práticos para a leitura.

     A internet que é um meio de comunicação valioso tem também algumas desvantagens. Os jovens estudantes do ensino médios e universitários, muitas vezes copiam textos inteiros, assinando-os como se fossem deles. Não é pesquisa, é cópia integral.

   Outros usam nomes de grandes escritores como: Mário Quintana, Carlos Drumonnd de Andrade Luis Fernando Veríssimo, Marta Medeiros em textos e ppss que não são de sua  autoria.Precisamos estar alertas.

    Através da internet difamam-se pessoas, especialmente políticos, se redige e-mails difamatórios usando nossos nomes.

  Difunde-se a pedofilia através da internet.

   Os pais devem ter cuidado e se interarem dos programas que seus filhos participam. Deve haver um controle para que as crianças e adolescentes não sejam enganados.

    Assim a internet pode ser usada para o bem e para o mal.

   Como excelente fonte de comunicação e pesquisa, mas também como fonte de propaganda enganosa e perniciosa, criando sérios problemas.

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •        "Acontece que o Conde Matarazzo estava passeando pelo parque. O Conde Matarazzo é um Conde muito velho, que tem muitas fábricas. Tem também muitas honras. Uma delas consiste em uma preciosa medalhinha de ouro que o Conde exibia à lapela, amarrada a uma fitinha. Era uma condecoração (sem trocadilho).   (continua)


  •    Existem coisas que nunca esquecemos, os cheiros é uma delas. Inúmeras vezes nos deparamos com um cheiro e ele nos remete a lembranças remotas ou não. No início de 2010 li “Os Cheiros” escrito por Danuza Leão, tirei a página da revista e sempre voltava a lê-lo.   (continua)


  •    O título parece complicado, mas não é. Metáforas são figuras de linguagem que substituem uma coisa por outra. São indispensáveis na expressão da vida. Por exemplo: o coração, que é um órgão do corpo humano passível de cirurgia, palpitação e substituição, é uma metáfora do amor...   (continua)


  •    Uma mulher espalhou uma fofoca sobre uma certa pessoa que ela não conhecia bem, mas a invejava. Alguns dias depois, o bairro inteiro sabia a história. A pessoa que foi alvo da fofoca ficou indignada e muito ofendida. Mais tarde, a mulher que espalhou o boato descobriu que era...   (continua).


  •    Endureçamos a bondade, amigos. Ela também é bondosa, a cutilada que faz saltar a roedura e os bichos: também é bondosa a chama nas selvas incendiadas para que os arados bondosos fendam a terra. Endureçamos a nossa bondade, amigos. Já não há pusilânime de...   (continua)


  •    Assisti a uma reportagem no programa Fantástico, da TV Globo, que além de ter me emocionado bastante, mostrou uma experiência insólita, rara e belíssima. Um garoto de oito anos, de uma cidade dos Estados Unidos, ganhou um prêmio em sua escola, de mil dólares. Poderia ter...   (continua)


  •    Mexo em textos antigos, e encontro um que me dá sentimentos dúbios, uma espécie de alegria melancólica, como se fosse um reencontro fugaz com uma pessoa querida. Você quer segurá-la, mas ela tem que partir. O tema era papai, e mamãe ainda vivia. Engraçado como...   (continua)


  •    Que se passa para nós no domínio musical? Devemos em primeiro lugar aprender a ouvir um motivo, uma ária, de uma maneira geral, a percebê-lo, a distingui-lo, a limitá-lo e isolá-lo na sua vida própria; devemos em seguida fazer um esforço de boa vontade —   (continua)
     


Copyright 2011-2020
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília