Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Manoel de Barros - O apanhador de desperdícios

Enviado por Gilberto Godoy
manoel-de-barros---o-apanhador-de-desperdicios

"Uso a palavra para compor meus silêncios.
Não gosto das palavras
fatigadas de informar.
Dou mais respeito
às que vivem de barriga no chão
tipo água pedra sapo.
Entendo bem o sotaque das águas
Dou respeito às coisas desimportantes
e aos seres desimportantes.
Prezo insetos mais que aviões.
Prezo a velocidade
das tartarugas mais que a dos mísseis.
Tenho em mim um atraso de nascença.
Eu fui aparelhado
para gostar de passarinhos.
Tenho abundância de ser feliz por isso.
Meu quintal é maior do que o mundo.
Sou um apanhador de desperdícios:
Amo os restos
como as boas moscas.
Queria que a minha voz tivesse um formato
de canto.
Porque eu não sou da informática:
eu sou da invencionática.
Só uso a palavra para compor meus silêncios."

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    Escritor, filósofo, professor, semiólogo e crítico literário, Umberto Eco é autor de vários ensaios sobre semiótica, estética medieval, linguística e filosofia, mas foi com a publicação de "O Nome da Rosa", seu primeiro romance, em 1980, que ganhou popularidade mundial, inclusive em Portugal. Traduzido para mais de 30 línguas e vencedor de vários prémios literários, o...   (continua)


  •     As variáveis que controlam as vidas humanas estão muito acima da nossa capacidade de compreensão. Inteligência não é garantia de sucesso de nenhuma espécie. Essa discussão vai longe, mas nosso objetivo aqui é contar um pouco da vida desses gênios cujas habilidades extraordinárias não foram suficientes para garantir a cada um deles um final de vida digno e tranquilo.   (continua)


  •        Edward Hopper (Nyack, 22 de julho de 1882 — 15 de maio de 1967) foi um pintor norte-americano conhecido por suas misteriosas pinturas de representações realistas da solidão na contemporaneidade. Em ambos os cenários urbanos e rurais, as suas representações de reposição fielmente recriadas reflecte a sua visão pessoal da vida moderna americana.   (continua)


  •    Manuel (H)Azaña Díaz nasceu em Alcalá de Henares, Espanha, em 10 de janeiro de 1880 e faleceu em Montauban, 3 de novembro de 1940. Foi um político espanhol, segundo e último presidente efetivo da Segunda República Espanhola. Além de ter sido um dos políticos e oradores mais importantes na política espanhola do século XX, foi um notável jornalista e escritor, que conseguiu o Premio...   (continua)


  •    O pensador foi responsável por cunhar o conceito de “modernidade líquida”, usada para definir as condições da "pós-modernidade"  — que ele considerava um termo ideológico — e discutir as transformações do mundo moderno nos últimos tempos. Ele explorou os efeitos do individualismo e da sociedade de consumo nas relações humanas modernas.   (continua)


  •    "Esta manhã, antes do alvorecer, subi numa colina para admirar o céu povoado... E disse à minha alma:  - Quando abarcarmos esses mundos e o conhecimento e o prazer que encerram, estaremos finalmente fartos e satisfeitos? E minha alma disse:  - Não, uma vez alcançados esses mundos prosseguiremos no caminho..."   (Continua)


  •    Manuel da Costa Pinto - Folha de S.Paulo/Ilustrada
       Se fosse para definir numa frase o legado de Ferreira Gullar para a literatura brasileira, uma formulação possível seria: o autor de "Poema Sujo" reabilitou na poesia contemporânea a meditação sobre temas como a angústia da morte e o maravilhamento diante do simples acontecer da vida, sem deixar...   (continua)


  •    Foi em uma madrugada chuvosa no Rio de Janeiro que veio ao mundo Marcus Vinitius da Cruz e Mello de Moraes, ou, simplesmente, Vinicius de Moraes, que, se estivesse vivo, completaria 100 anos em 19 de 2013. Parafraseando um de seus versos mais famosos, o escritor, se não chegou...   (continua)


  •    João Guimarães Rosa (Cordisburgo, 27 de junho de 1908 — Rio de Janeiro, 19 de novembro de 1967), foi um dos mais importantes escritores brasileiros de todos os tempos. Foi também médico e diplomata. Os contos e romances escritos por Guimarães Rosa ambientam-se quase...   (continua)


  •      Nelson Falcão Rodrigues (Recife, 23 de agosto de 1912 — Rio de Janeiro, 21 de dezembro de 1980) foi um importante dramaturgo, jornalista e escritor brasileiro. Nascido em Recife, Pernambuco, no ano de 1912. Mudou-se em 1916 para a cidade do Rio de Janeiro.   (continua)


  •    Arthur Robert Ashe, Jr. (Richmond, Virgínia, 10 de julho de 1943 — 6 de fevereiro de 1993) foi um tenista norte-americano. Também é lembrado por seus esforços em causas sociais que apoiava. Quando jovem, Ashe era pequeno e mal coordenado. Mas quando entrou para o...   (continua)


  •    Há 26 anos, no dia 18 de agosto de 1990, falecia Burrhus Frederic Skinner.  Sem dúvida um dos psicólogos mais influentes de todos os tempos. Ele ocupou cargos nas Universidades de Minnesota e Indiana, e foi o condecorado com o título de...   (continua)


Copyright 2011-2018
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília