Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Posição do homem na história do planeta

Enviado por Gilberto Godoy
posicao-do-homem-na-historia-do-planeta

     Você já havia parado para pensar sobre isso? Sobre um vórtice de perspectiva cronológica planetária? Ainda que geralmente temos a mania soberba de pensar que somos a última cereja do bolo, na realidade não somos nem de perto a mosca do cocô do cavalo do bandido, estamos muito distantes do pico da evolução do universo. É o que todos irão notar ao ver este pequeno infográfico que demonstra que o homem é mal uma piscada na face de um planeta que transcende em muito em duração e importância a nossa espécie.

     Este relógio organizado pelo Departamento de Geologia da Universidade de Winsconsin-Madison permite que vejamos uma perspectiva de onde estamos localizados no tempo da escala geológica: próximo a meia-noite da história do planeta, para ser mais exato às 11:58:43, pouco mais de um minuto. Muito menos tempo provavelmente do que demorará em ler este artigo. Seremos talvez como aqueles desenhos que as crianças fazem na areia da praia que o mar apaga.

     Em apenas 1 minuto e 17 segundos de tempo -levando em conta um dia como unidade para significar os mais de 4 bilhões de anos da Terra- o homem cagou transformou todo o ecossistema do planeta. Alguns acham que inclusive até ao ponto de colocar em risco a sobrevivência desta esfera de vida. Mas sabe-se lá se esta não é mais uma forma do antropocentrismo que nos caracteriza e a Terra, como um ser que se auto-organiza e se auto-regula, logo nos engula. Somos talvez só uma ideia em sua consciência, um rabisco mal feito.

     Por outro lado talvez sejamos também a ideia mais sofisticada da Terra e da evolução como energia que se manifesta no corpo planetário. Ainda que uma ideia perigosa, muito perigosa.

     Fonte: Negócio Digital

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    O barulho que ouvimos quando colocamos uma concha junto ao nosso ouvido não é o oceano, mas sim o som do sangue correndo nas veias da orelha;  - O ouro é o único metal que não enferruja, mesmo estando enterrado no solo por milhares de anos; A língua é o único músculo do corpo que está ligado apenas a uma extremidade...   (continua)


  •    Quem viveu, sabe. Os anos 80 foram incomparáveis. Como é bom rever e lembrar com saudade dos objetos, das músicas, enfim, do tempo que não volta mais... parecia que o clima era mais agradável. Ainda bem que hoje temos a internet para fazer o tempo "voltar" de alguma forma.


  •    As crianças são sumamente sensíveis e podem captar (discriminar) coisas que os adultos não, porque seu leque de sensações ainda não experimentou o bastante para que possa confundi-los. A conexão maior eles têm com suas mães. Reconhecem seus modos, seu cheiro e talvez haja...   (continua)


  •    Em janeiro de 1980 o jornalista americano Gay Talese recebeu uma carta anônima em casa. Era de um homem que dizia ter comprado um motel em Aurora, no Estado americano do Colorado, para “satisfazer suas tendências voyeuristas”. O pequeno empresário americano dizia que tinha instalado grelhas de ventilação falsas no teto de vários dos 21 quartos para poder ...   (continua)


  •    Uma das aplicações mais curiosas dos vídeos 360° é a de mostrar como são realmente alguns lugares com um realismo enorme: como se estivesses ali. Neste exemplo podemos ver um dos datacenters do Google, situado em Dalles, Oregon.   (continua)


  •    Trava-Línguas são um tipo de parlenda, jogo de palavras que faz parte da literatura popular. O trava-língua é uma frase difícil de recitar em decorrência da semelhança sonora das suas sílabas. Veja abaixo 50 trava-línguas super difíceis. Tente dizer rapidamente e sem a língua travar!   (continua)


  •      Acham que ele tem pouco mais de 40 e vive no estado de Rondônia. Ninguém sabe seu nome, mas é conhecido como "homem do buraco". É o último sobrevivente de uma tribo desconhecida e seu primeiro avistamento data de 1996. Onze anos depois, a Funai decretou que ninguém se aproximasse a menos de 31 quilômetros dele.   (continua)


  •      Cleópatra viveu mais perto da construção da primeira Pizza Hut do que das pirâmides. A Grande Pirâmide foi construída em meados de 2.560 aC, enquanto Cleópatra viveu por volta de 30 aC. A primeira Pizza Hut abriu em 1958, cerca de 500 anos mais próximos.   (continua) 


Copyright 2011-2018
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília