Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

O Homem Vitruviano

Enviado por Gilberto Godoy
o-homem-vitruviano

   O Homem Vitruviano de Leonardo da Vinci é um desenho famoso que acompanhava as notas feitas pelo artista por volta do ano 1490 num dos seus diários. Descreve uma figura masculina nua separada e simultaneamente em duas posições sobrepostas com os braços inscritos num círculo e num quadrado.[1] A cabeça é calculada como sendo um oitavo da altura total. Às vezes, o desenho e o texto são chamados de Cânone das Proporções.

   O desenho atualmente faz parte da coleção da Gallerie dell'Accademia (Galeria da Academia) em Veneza, Itália.

Examinando o desenho, pode ser notado que a combinação das posições dos braços e pernas formam quatro posturas diferentes. As posições com os braços em cruz e os pés são inscritas juntas no quadrado. Por outro lado, a posição superior dos braços e das pernas é inscrita no círculo. Isto ilustra o princípio que na mudança entre as duas posições, o centro aparente da figura parece se mover, mas de fato o umbigo da figura, que é o verdadeiro centro de gravidade, permanece imóvel.

   O Homem Vitruviano é baseado numa famosa passagem do arquitecto/arquiteto romano Vitrúvio na sua série de dez livros intitulados de De Architectura, um tratado de arquitetura em que, no terceiro livro, ele descreve as proporções do corpo humano masculino:

um palmo é o comprimento de quatro dedos

um pé é o comprimento de quatro palmos

um côvado é o comprimento de seis palmos

um passo são quatro côvados

a altura de um homem é quatro côvados

"erit eaque mensura ad manas pansas"

o comprimento dos braços abertos de um homem (envergadura dos braços) é igual à sua altura

a distância entre a linha de cabelo na testa e o fundo do queixo é um décimo da altura de um homem

a distância entre o topo da cabeça e o fundo do queixo é um oitavo da altura de um homem

a distância entre o fundo do pescoço e a linha de cabelo na testa é um sexto da altura de um homem

o comprimento máximo nos ombros é um quarto da altura de um homem

a distância entre a o meio do peito e o topo da cabeça é um quarto da altura de um homem

a distância entre o cotovelo e a ponta da mão é um quarto da altura de um homem

a distância entre o cotovelo e a axila é um oitavo da altura de um homem

o comprimento da mão é um décimo da altura de um homem

a distância entre o fundo do queixo e o nariz é um terço do comprimento do rosto

a distância entre a linha de cabelo na testa e as sobrancelhas é um terço do comprimento do rosto

o comprimento da orelha é um terço do da face

o comprimento do pé é um sexto da altura


   Vitrúvio já havia tentado encaixar as proporções do corpo humano dentro da figura de um quadrado e um círculo, mas suas tentativas ficaram imperfeitas. Foi apenas com Leonardo que o encaixe saiu corretamente perfeito dentro dos padrões matemáticos esperados.

   O redescobrimento das proporções matemáticas do corpo humano no século XV por Leonardo e os outros é considerado uma das grandes realizações que conduzem ao Renascimento italiano.

   O desenho também é considerado frequentemente como um símbolo da simetria básica do corpo humano e, por extensão, para o universo como um todo.

   É interessante observar que a área total do círculo é idêntica à área total do quadrado (quadratura do círculo) e este desenho pode ser considerado um algoritmomatemático para calcular o valor do número irracional phi (aproximadamente 1,618).

     Fonte: Wikipédia

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    Banksy é o pseudônimo de um grafiteiro, pintor, ativista político e diretor de cinema inglês. Sua arte de rua satírica e subversiva combina humor negro e graffiti feito com uma distinta técnica de estêncil. Seus trabalhos de comentários sociais e políticos podem ser encontrados em...   (continua)


  •    O legado de Monet deixou-nos uma visão estética muito particular do mundo, do mundo como eles não só o viram, senão como quiseram ver. Uma imagem do mundo filtrada pela câmera do olho. Neste vídeo filmado em 1915 podemos ver como a câmera de vídeo...   (continua)


  •    Compreender a história da arte nunca foi fácil. Mas o 'redditor DontTacoBoutIt',  uma conta que já não existe mais, postou uma série de pinturas famosas e deu explicações curtas, mas divertidamente precisas sobre como reconhecer seus autores. Segundo ele, por exemplo, as obras de...   (continua)


  •    Oscar-Claude Monet (Paris, 14 de novembro de 1840 — Giverny, 5 de dezembro de 1926) foi um pintor francês e o mais célebre entre os pintores impressionistas. O termo impressionismo surgiu devido a um dos primeiros quadros de Monet, "Impressão, nascer do sol", quando...   (continua)


  •    Que me perdoem os críticos de arte, cinema, literatura... mas seu papel sempre me pareceu um pouco cruel, ajuízam e julgam o trabalho de outros podendo afundar na miséria. Entendidos que são, não é incomum que se equivoquem ao fazer alguma resenha crítica a respeito de...   (continua)


  •    O Gato de Botas, um dos mais interessantes dos Contos de Perrault, mereceu uma deliciosa gravura de Doré. A cara do gato conta logo quem é esse grande finório, cheio de truques, inventivo, e que muito ajuda seu amo, o filho do moleiro que graças ao...   (continua)


  •    Paul Cézanne nasceu em 19 de janeiro de 1839, no sul da França, na Provença, região procurada por muitos pintores e artistas pela luminosidade esplêndida e suave que fez e faz a delícia de quem por lá anda. Sua cidade natal é a bela Aix-en-Provence...   (continua)


  •    Bobbie vive a vida ao máximo. Ela vê o positivo em cada situação e aprende com isso. A força interior, profundidade e inteligência de Bobbie se refletem em suas esculturas de bronze. Ela estudou em muitos dos notáveis ​​artistas de hoje e toma influência de Leonardo Bistolfi, Solon e ...   (continua)


Copyright 2011-2020
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília