Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns minutos...

 

Índia declara golfinhos “pessoas não-humanas”

Enviado por Gilberto Godoy
india-declara-golfinhos-“pessoas-nao-humanas”

     O ministro do Ambiente da Índia declarou que os golfinhos devem ser vistos como “pessoas não-humanas” e proibiu que estes sejam mantidos em cativeiro ou usados em espectáculos de entretenimento.

     O político justificou a decisão com o facto de as investigações científicas mostrarem que os golfinhos possuem um nível de inteligência superior à de outros animais.

     “Muitos cientistas que pesquisaram o comportamento dos golfinhos acreditam que eles possuem um nível de inteligência invulgarmente alto”, afirmou o ministro.

     Para o responsável pela pasta do Ambiente na Índia, “comparativamente aos restantes animais, os golfinhos deviam ser vistos como ‘pessoas não-humanas’ e, como tal, ter os seus próprios direitos, por isso é moralmente inaceitável mantê-los em cativeiro com objectivos de entretenimento”.

     Fonte:  http://www.ionline.pt/artigos/mundo-iciencia/india-declara-golfinhos-pessoas-nao-humanas

Comentários

Comente aqui este post!
Clique aqui!

 

Também recomendo

  •    Todo mundo sabe que os cães são alguns dos animais mais inteligentes da Terra, mas os caninos de rua de Moscou realmente impressionaram os cientistas com suas rotinas como passageiros do metrô. Todos os dias, os cães que vivem na periferia da capital da Rússia pegam o metrô com...   (Continua)


  •    A cifra mais precisa calculada até a data é 8,7 milhões: onde 6,5 milhões se encontram sobre a superfície e 2,2 (25%) habitam as profundidades do oceano. Estes dados foram fornecidos por cientistas do Censo de Vida Marinha e baseiam-se em uma técnica inovadora e...   (continua)


  •    Tem animal que só falta mesmo falar. Esse cão enterra com bastante cuidado um outro cachorro que se encontrava morto em uma vala na beira da estrada. Vale a pena conferir!


  •    Doenças renais crônicas, obesidade, depressão... décadas atrás, era impensável a ideia de que tais enfermidades pudessem atingir cães, gatos e outros animais. Hoje, porém, a medicina veterinária enfrenta casos antes considerados tipicamente ‘humanos’.   (continua)


  •    Em qualquer grande cidade do mundo é possível encontrar cachorros de rua, onde normalmente passam despercebidos principalmente pela deficiência na comunicação com humanos. Pensando nisso dois estudantes, Violeta Caro Pinda e Felipe Carrasco Guzman, decidiram...   (continua)


  •    Uma fotografia de um homem e seu cão fez sucesso esta semana na internet. Trata-se de John Unger, um cara comum como a maioria de nós e seu velho 'cãomarada' Schoep. A imagem caiu no gosto popular e se tornou um grande viral.   (continua)


  •    Stanley Coren em seu livro A Inteligência dos Cães, elaborou uma tabela através de um questionário elaborado por ele e preenchidos por juízes americanos, especializados em provas de obediência.   (continua)


  •    Este invento é digno daquelas ideias "como não pensei nisso antes". Consiste em um comando de ducha circular que envia os jatos para o centro. Coloca-se o cão dentro e pronto! A abria a água o jato de água lava o cão por inteiro.   (continua)


  •    O mundo animal sempre nos surpreende. As possibilidades de aprendizagem são muitas, variadas e complexas. O cão deste vídeo demonstra isto. Seu dono o levou para dar um passeio quando percebeu que tinha uma loja de música próxima.   (continua)


  •    Com um equipamento de som ultra sensível, uma equipe do BBC Earth demonstrou como uma coruja voa tão silenciosamente em comparação com outras aves. Neste clipe da nova série Super Powered Owls podemos ver uma experiência fascinante que mostra o voo eficiente e silencioso de uma coruja-das-torres.   (continua)


  •    Pense em todos os cães por aí: labradores, poodles e labradoodles; huskies, westies e dogues de Bordeaux; pit bulls, spaniels e vira-latas adoráveis que vão a pet shops. Some todos os cães de estimação no planeta e você chegará a cerca de 250 milhões.   (continua)


  •    Enquanto passeava de caiaque junto a sua esposa pelas águas de Sardina do Norte nas Grandes Canárias, Sergio Rodriguez viu uma bela tartaruga marinha em apuros se aproximando da embarcação. O pobre animal deve ter topado com um banco de lixo e ficou enredado em um saco de ráfia.   (continua)


Copyright 2011-2019
Todos os direitos reservados

Até o momento,  1 visitas.
Desenvolvimento: Criação de Sites em Brasília